Caçapava do Sul

Presidente faz um balanço de 2019 e anuncia uma das maiores devoluções da história

20/12/2019 16:03
 

No início da tarde desta sexta-feira, dia 20, três dias antes da eleição da nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, que irá comandar o Legislativo em 2020, o atual Presidente da Casa, Silvio Tondo, concedeu uma entrevista a TV Câmara para fazer um balanço do ano, já que o seu mandato como Presidente encerra no dia 31 de dezembro.

Na primeira parte da entrevista, Tondo anunciou que este ano a Câmara está fazendo uma das maiores devoluções de recursos da história do Legislativo, que será de aproximadamente R$ 300 mil. Segundo o mandatário, a devolução deste valor significativo é o resultado de um trabalho sério e transparente que a Câmara vem realizando ao longo dos último anos, mas em 2019 o valor foi alto devido as economias praticadas e colhendo os frutos da reestruturação administrativa que a casa está realizando desde 2015, no qual os resultados a cada ano são expressivos e tornam o Legislativo Caçapavano em referência regional.

" Há cinco anos atrás a Câmara foi chacota estadual em virtude dos gastos, com isso, após estes fatos negativos, o Legislativo começou a tomar várias atitudes para mudar a sua imagem diante da comunidade, fazendo um planejamento a longo prazo para começar a colher os frutos. Os gastos diminuíram, a parte administrativa hoje é referência, a transparência é destaque estadual e o gasto com diárias é um dos menores do Estado, além de ser um exemplo em administração moderna, enxuta e com o sistema informatizado", disse o Presidente.

Sobre a devolução dos  R$ 300 mil, o Presidente informou que R$ 150 mil serão repassados ao Hospital de Caridade, para a compra de equipamentos que irão ativar a segunda sala de cirurgia do bloco.

Tondo comentou ainda na entrevista sobre o gasto com diárias, que a cada ano vem diminuindo graças as medidas tomadas nesta legislatura. " Em 2014 gastamos mais de R$ 200 mil no ano em diárias, em 2015 o valor começou a baixar devido a algumas mudanças, chegando a R$ 153 mil, em 2016 o valor ficou em R$ 53 mil, 2017 baixou para 48 mil, em 2018 mais uma redução para entorno de R$ 45 mil e agora em 2019 chegamos a pouco mais de R$ 30 mil. Esses números tornam a Câmara de Caçapava em uma das que menos gasta com diárias no Estado", enfatizou.

Outro fato lembrando pelo Presidente, é o prêmio recebido pela Câmara na metade do ano, onde após nova avaliação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o Legislativo Caçapavano foi escolhido como um dos mais transparentes do Estado, cumprindo 100% das exigências do TCE relativo a transparência das contas públicas e gestão fiscal.

Ainda dentro do balanço de 2019, Tondo disse que este ano foram votadas e aprovadas no plenário da Câmara 786 matérias, onde mais de 100 foram projetos de lei do executivo, mostrando o funcionamento das Comissões e o trabalho técnico realizado pelos colaboradores. " Sempre tivemos um bom relacionamento com o Executivo, tanto que foram aprovados mais de 100 matérias enviadas pelo Prefeito, isso mostra o espírito público dos vereadores e da Mesa Diretora. Debates e discussões acirradas irão existir sempre, mas a seriedade na hora de votar e a responsabilidade na análise dos projetos foram fundamentais este ano e serão até final deste legislatura", comento Silvio.

O Presidente falou também da aproximação com a comunidade e dos trabalhos educacionais realizados na casa, principalmente o projeto aluno cidadão.

Outro ponto debatido na entrevista, forma as emendas parlamentares conseguidas pelos vereadores nos últimos três anos. Segundo o Presidente, entre 2017 e 2019, os vereadores conseguiram mais de R$ 3,6 milhões em emendas para a cidade, onde muitas já estão em execução.

No final da entrevista, Tondo disse que a Câmara recebeu nesta quinta-feira, dia 19, uma Menção Honrosa da UVERGS (A União dos Vereadores do Rio Grande do Sul ), que dentro das 327 Câmaras filiadas a entidade, a de Caçapava foi escolhida como a melhor no Estado em gestão fiscal e organização administrativa. 



Topo