CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS
  Polícia

Brigada Militar prende homem por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo

Jovem de 24 anos, natural de Canoas, foi preso. Outros dois menores foram encaminhados para a Delegacia e qualificados como testemunhas do fato

Por Brigada Militar
11/04/2018 09:43
 

Objetos apreendidos pela Brigada Militar (Foto: Divulgação)

Na noite do último dia 10 de abril de 2018, por volta das 23h30min a Guarnição de Serviço da Brigada Militar recebeu diversas ligações, as quais informavam que estariam ocorrendo diversos disparos de arma de fogo em via pública, e também um movimento intenso na Rua Marta Arlete Teixeira, Bairro Promorar, indicando ainda um possível local de tráfico de drogas.

Chegando ao endereço citado a GU se deparou com um indivíduo com uma arma na mão, em via pública, o qual fugiu para o interior de uma residência, onde foi acompanhado pela guarnição, sendo que ao tentar dispensar a arma e drogas pela janela foi detido.

O indivíduo foi identificado como A.C., de 24 anos, natural de Canoas – RS, o qual possui antecedentes por: ameaça lesão corporal e injuria, o qual recebeu voz de prisão.

Ainda no interior da residência se encontravam a menor A.B.S., de 16 anos, com antecedentes criminais por: porte ilegal de armar de fogo de calibre restrito e o menor L.T.M., de 17 anos, sem antecedentes criminais, os quais apontaram o local onde os entorpecentes se encontravam e ainda admitiram estar traficando no local.

Foram apreendidos: 49 (quarenta e nove) invólucros de maconha, totalizando 112g (cento e doze gramas); 16 (dezesseis) pinos de cocaína, totalizando 11 g (onze gramas); 09 (nove) buchas de cocaína, totalizando 02g (duas gramas); 60 (sessenta) pedras de crack, totalizando 11g (onze gramas); 01 (um) revolver cal 32, rossi; 03 (três) munições cal .32 intactas, 01 (um) estojo cal .32 deflagrado; 03 (três) munições cal .22 intactas e 30 (trinta) sacos para embalar drogas; 01 (uma) balança de precisão e papel seda.

As partes foram conduzidas a DP local, onde foram apresentados juntamente com os objetos apreendidos, sendo efetuado o devido registro e lavrado o auto de prisão em flagrante de A.C, o qual foi encaminhado ao presídio estadual de Caçapava do Sul, os menores foram qualificados como testemunhas do fato e foram liberados após o registro da ocorrência.


Por Brigada Militar

Farrapo




Topo