Polícia

Recuperados animais furtados em Dom Pedrito

16/06/2012 09:50
 

Recuperados em Santana do Livramento animais furtados em Dom Pedrito(Foto:PCRS/Divulgação)

Policiais Civis da Defrec de Bagé com apoio da Patrulha Rural da Brigada Militar de Santana do Livramento, após três dias de investigações conseguiram recuperar trinta e oito animais bovinos de três propriedades distintas. A investigação iniciou com uma denúncia de furto de 25 animais de pequena propriedade rural na localidade da Música, interior do município de Dom Pedrito.

A localização dos animais ocorreu no interior do Assentamento Santa Rita II, localidade denominada Corredor da Calera, parte dentro de uma área de reflorestamento, área arrendada e corredor próxima à localidade de Itaquatiá, interior do município de Santana do Livramento, cerca de 35 quilômetros de onde foram subtraídos.

Da vítima Elci Sapata de Oliveira, foram recuperados quinze bovinos. Da Estância Garupá, foram recuperados vinte e dois animais da raça Aberdeen Angus de um total de trinta e dois furtados. De uma terceira vítima Neimar Soncini foi localizado um touro da raça Braford, sem que este proprietário tivesse conhecimento do furto praticado em sua propriedade.

Os animais foram furtados nas noites de sábado e domingo últimos. Segundo a polícia, os autores dos furtos são exímios conhecedores dos locais, dominam totalmente a região, os atalhos entre as estâncias e corredores.

Foi identificada a pessoa de Valdecir Krais como sendo um dos receptadores dos animais, arrendatário das áreas onde os animais furtados foram localizados e também identificados um dos tropeiros, que trabalhou próximo das propriedades vitimadas.

As investigações continuam para recuperação dos demais animais furtados e identificação de todos os envolvidos nos furtos.

A polícia ressalta ainda que no empreendimento dessa investigação os policiais da Defrec de Bagé receberam inúmeras comunicações de furtos de animais. Em razão disso diversos proprietários abandonaram a atividade da pecuária entregando os campos para a agricultura e relataram a existência de quadrilhas especializadas no furto e carneada de animais, agindo há muito tempo, causando prejuízos incalculáveis aos produtores rurais. Nesse caso, cerca de R$ 45 mil.


Fonte: PC/RS

Farrapo




Topo